Imposto de Renda

Simulador Imposto de Renda 2021

Mais um ano, mais um imposto de renda a pagar. E o melhor nessa hora, é quitar definitivamente o Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), porque no final das contas, não há como escapar das garras do leão. Para realizar o pagamento do IR, utilize o Simulador Imposto de Renda 2021, confira mais sobre o mesmo abaixo.

Se puderes, não perca tempo e acerte as contas com a Receita Federal o quanto antes. Pois perder o prazo de pagamento ou até mesmo não declarar o IRPF a tempo, significa ter que pagar um pouco mais do que você é inicialmente obrigado a saldar. Já que para a Receita Federal, “multa” é a palavra de ordem, ou seja, se não paga dentro do período determinado, logo você é multado.

E com o intuito de lhe ajudar a passar por esta cobrança sem ser punido, nos preparamos este artigo que irá lhe apresentar uma forma bastante simplificada para realizar o processo de pagamento do imposto de Renda.

Simulador Imposto de Renda 2020
Simulador Imposto de Renda 2021

Entenda como o programa que permite declarar o imposto de Renda funciona, a seguir!

Programa IRPF 2021

Para quem deseja declarar e enviar a declaração do Imposto de Renda com mais facilidade, o software IRPF 2021 é com certeza a melhor opção das disponíveis. E o contribuinte pode baixá-lo a qualquer momento e sem ter que gastar nada, visto que o programa é gratuito e seguro.

E também vale lembrar que este programa começou a ser usado em 2016, e de lá para cá, houveram algumas alterações que melhoraram o desempenho do software. Sndo que em 2017, o programa IRPF recebeu as seguintes atualizações:

  • Atualização automática: com a nova funcionalidade, não haverá mais necessidade de que o usuário tenha que baixar e instalar novamente o software, caso haja alguma atualização.
  • Duas formas de fazer a atualização: primeiro, ela pode ser definida para ocorrer automaticamente, ou pode ser feita manualmente pelo próprio declarante. Bastando que este acesse o menu “ferramentas-verificar” atualização;
  • Duas funcionalidades em um único programa: A partir da versão 2017 do programa da Receita Federal, já não há necessidade de baixar dois programas. Sendo um para declarar e o outro para enviar a declaração do imposto de renda, visto que na nova versão do PGD IRPF as duas funcionalidades estão incorporadas no mesmo programa;
  • Preenchimento automático de dados: A nova versão do programa será capaz de fazer o preenchimento automático de nomes já declarados pelo próprio contribuinte, por meio da importação de dados previamente armazenados no programa.

Entenda melhor como esse preenchimento automático funciona, confira abaixo:

Preenchimento da Declaração

Tudo começa quando o contribuinte usa a aplicação pela primeira vez, dado que é justamente neste momento que o programa faz o armazenamento automático do nome – o qual é fornecido no campo CPS/CNPJ – para um uso no futuro.

E se o usuário quiser, há como desativar a função. Bastando acessar o Menu – Ferramentas – Recuperação de Nomes.

Portanto, vale a pena usar o programa IRPF para fazer o pagamento do imposto. Pois ele realmente facilita o saldar do Imposto de Renda. E você pode baixar o programa para o seu computador no site da Receita Federal (http://idg.receita.fazenda.gov.br/), bem como pode fazer o download da aplicação a partir da Store do seu Smartphone ou tablet.

Se você deseja saber quais serão as alíquotas do imposto de renda que você irá pagar, não deixe de conferir o próximo tópico e saiba como.

Como Utilizar o Simulador Imposto de Renda 2021

Utilizar o simulador Imposto de Renda 2021 é bastante útil na hora de saber quanto você vai gastar para liquidar o imposto de Renda bem antes de enviar a declaração oficial para a Receita Federal

Fazer a simulação do IRPF é um processo bastante simples. Pode ser resumido em dois passos, confira a seguir:

  • Primeiro acesse o site oficial da Receita Federal;
  • Agora basta preencher o todos os campos do formulário com informações verídicas;
  • Após ter remetido o formulário com sucesso, o programa irá retornar as informações referentes as alíquotas efetivas que você deve pagar, e elas são importantes, uma vez que constaram na sua declaração.

Então, previna-se de imprevistos e aproveite esses ferramentais para saber quanto você deve saldar no IRPF, e esteja preparado para fazê-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *